PF indicia Átila Jacomussi, ex-secretário e 22 vereadores por corrupção e organização criminosa


 

ABCD - 07/01/2019 - 10:26:54

 

PF indicia Átila Jacomussi, ex-secretário e 22 vereadores por corrupção e organização criminosa

PF indicia Átila Jacomussi, ex-secretário e 22 vereadores por corrupção e organização criminosa

 

Da Redação .

Foto(s): Arquivo

 

O prefeito de Mauá, Átila Jacomussi, chega à sede da Polícia Federal, em São Paulo

O prefeito de Mauá, Átila Jacomussi, chega à sede da Polícia Federal, em São Paulo


A Polícia Federal paulista indiciou o prefeito afastado de Mauá, Átila Jacomussi, PSB, e o ex-secretário de governo da cidade, João Eduardo Gaspar, pelos crimes de corrupção ativa e passiva e integrar organização criminosa. Dos 23 vereadores da cidade, 22 foram indiciados pelos crimes de integrar organização criminosa e corrupção passiva.

Atila Jacomussi e João Eduardo Gaspar foram presos 13 de dezembro pela Operação Prato Feito, da Polícia Federal, suspeitos de receber propina de empresas que mantêm contratos com a prefeitura de Mauá.

De acordo com a investigação há indícios de que nove empresas, de diferentes ramos, pagavam propina mensal para o prefeito.

O suposto Esquema de Átila

De acordo com a PF, as nove empresas que possuem contratos com a Prefeitura de Mauá, pagavam propina mensal para Átila Jacomussi.

O ex-secretário de governo, Gaspar, redistribuía os valores obtidos de forma ilegal aos outros integrantes do grupo. Os valores da suposta propina distribuída variavam de 10% a 20% do valor dos contratos.

Em maio, durante a Operação Prato Feito, Átila Jacomussi e João Eduardo Gaspar já tinham sido presos em flagrante por corrupção.

A ordem de prisão preventiva contra Jacomussi e Gapar foi revogada no dia 15 de junho de 2018 por um habeas corpus do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). o ministro Gilmar Mendes também foi o responsável por permitir que Átila retornasse ao cargo de prefeito em 11 de setembro.

A delegada Melissa Maximino Pastor, da Delegacia de Repressão à Corrupção e Crimes Financeiros (Delecor), solicitou à Justiça o afastamento dos 22 vereadores suspeitos de envolvimento no esquema, mas o pedido foi negado.

Átila é reconduzido à prisão pela segunda vez

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




Lula, Palocci e Paulo Bernardo viram réus por promessa de corrupção


Após Alex Manente colaborar com derrota de Sérgio Moro, Senado mantém decisão sobre o Coaf


Futuro político do petista Luiz Marinho, fica para a 1ª quinzena de junho nas sessões de 5 e/ou 12


Microempreendedor tem até hoje para entregar declaração do Simples


Congresso aprova novas regras sobre proteção de dados pessoais


Governo deve vetar franquia de bagagem