Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal


 

ABCD - 20/12/2018 - 18:39:37

 

Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal

Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Ricardo Cassin / PMSBC

 

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara atual, Pery Cartola, e do eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara atual, Pery Cartola, e do eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais


Nesta quinta-feira (20/12), o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, recebeu do presidente da Câmara, Pery Cartola, um cheque no valor de R$ 12 milhões referente aos recursos empenhados, mas não utilizados pelo Legislativo ao longo dos 12 meses de 2018.

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais.

O montante entregue retorna, assim, aos cofres municipais e será utilizado para reforçar programas de governo e projetos de melhoria da cidade. Somando com os recursos que retornaram aos cofres em 2017, a devolução de valores soma R$ 26,5 milhões.

Na visão do chefe do Executivo, o valor do duodécimo confirma os esforços dos poderes na direção da economia de recursos públicos. “O sentimento de austeridade tem reforçado a busca por redução dos gastos. Isso pode ser observado tanto no Executivo quanto no Legislativo, onde os esforços resultaram em economias expressivas e que possibilitaram o equilíbrio das contas públicas”, comentou.

Para o presidente da Câmara, Pery Cartola, os valores entregues ao Executivo colaboram com as finanças municipais. “É uma quantia significativa e que ajudará a cidade a fechar as contas. Essa economia não seria possível sem a colaboração dos servidores do Legislativo”, destacou.

Entre as medidas de ajuste financeiro colocadas em prática durante a presidência de Cartola estão a redução de contratos com fornecedores em 25%, interrupção de processos licitatórios em andamento e seus respectivos empenhos, redução de horas-extras e demais despesas.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




Governo do Estado anuncia medidas para fortalecer o setor automotivo


Bolsonaro assina MP determinando que contribuição sindical deve ser cobrada por boleto


Lula volta para carceragem em Curitiba após cremação do corpo do neto


Lula acompanha velório do neto Arthur em São Bernardo


Turismo interno deve girar R$ 3,5 bilhões no estado do Rio de Janeiro


Balança comercial tem segundo melhor saldo da história para fevereiro