Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal


 

ABCD - 20/12/2018 - 18:39:37

 

Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal

Prefeitura de São Bernardo recebe devolução de R$ 12 milhões da Câmara Municipal

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Ricardo Cassin / PMSBC

 

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara atual, Pery Cartola, e do eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara atual, Pery Cartola, e do eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais


Nesta quinta-feira (20/12), o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, recebeu do presidente da Câmara, Pery Cartola, um cheque no valor de R$ 12 milhões referente aos recursos empenhados, mas não utilizados pelo Legislativo ao longo dos 12 meses de 2018.

A cerimônia contou com a presença do presidente da Câmara eleito para o próximo biênio, Ramon Ramos, de outros parlamentares e secretários municipais.

O montante entregue retorna, assim, aos cofres municipais e será utilizado para reforçar programas de governo e projetos de melhoria da cidade. Somando com os recursos que retornaram aos cofres em 2017, a devolução de valores soma R$ 26,5 milhões.

Na visão do chefe do Executivo, o valor do duodécimo confirma os esforços dos poderes na direção da economia de recursos públicos. “O sentimento de austeridade tem reforçado a busca por redução dos gastos. Isso pode ser observado tanto no Executivo quanto no Legislativo, onde os esforços resultaram em economias expressivas e que possibilitaram o equilíbrio das contas públicas”, comentou.

Para o presidente da Câmara, Pery Cartola, os valores entregues ao Executivo colaboram com as finanças municipais. “É uma quantia significativa e que ajudará a cidade a fechar as contas. Essa economia não seria possível sem a colaboração dos servidores do Legislativo”, destacou.

Entre as medidas de ajuste financeiro colocadas em prática durante a presidência de Cartola estão a redução de contratos com fornecedores em 25%, interrupção de processos licitatórios em andamento e seus respectivos empenhos, redução de horas-extras e demais despesas.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




Bolsonaro no Twitter comenta empréstimos do BNDES


Inep divulga notas do Enem nesta sexta-feira


Doria e Orlando Morando inauguram Bom Prato Dia e Noite e São Bernardo


Bolsonaro assina decreto que flexibiliza a posse de armas


Luiz Marinho têm bens bloqueados no caso do Museu do "Lula"


Bolsonaro defende que ataques no CE sejam considerados terrorismo